sábado, 25 de março de 2017

Chocolate de leite e dois recheios


Chocolate de leite com recheio de baunilha






Recheio de chocolate belga

terça-feira, 21 de março de 2017

Bombons de chocolate negro


Bombons diversos com chocolate negro: recheados com ginjas maceradas em aguardente, com trufa de menta e chocolatinas (chocolate aromatizado sem recheio) de coco e laranja.







Recheio de trufa de chocolate belga e menta






Recheio de ginjas maceradas em aguardente e trufa de baunilha

segunda-feira, 20 de março de 2017

BOLO DE IOGURTE GREGO by Bimby

Gosto destes bolos simples para o lanche. A fatia que falta... fui eu a testar se estava bom...

BOLO DE IOGURTE GREGO by Bimby 


Ingredientes: 
-2 iogurtes gregos de sabores (240 gr de iogurte)
-5 ovos
-3 caixas de iogurte com açúcar
-4 caixas de iogurte com farinha
-1 caixa de iogurte com óleo
-1 colher de chá bem cheia de fermento

Confecção: 
Coloque os ovos, os iogurtes, o açúcar e o óleo no copo e bata 50 seg./vel. 4. Junte a farinha e o fermento e misture 15 seg./vel. 3,5. Coloque a massa na forma, polvilhe em cima com açúcar mascavado grosso e leve a cozer em forno pré-aquecido a 180º cerca de 1h. Forma 22. O açúcar mascavado faz uma capa deliciosa! Caso não tenha, pode misturar açúcar normal com canela.

sábado, 18 de março de 2017

Bombons de chocolate negro e recheio diversos


Chegou a vez do chocolate negro! Recheio diversos: ginjas maceradas em aguardente e cobertas com trufa de baunilha / trufa de menta e chocolatinas (chocolate sem recheio) aromatizadas com casca de laranja cristalizada








Depois do chocolate deleite e do branco, chegou a vez do negro com imenso cacau!

domingo, 12 de março de 2017

Waffles //Gauffres by Bimby!

Waffles //Gauffres


Ingredientes: 

200 g de farinha de arroz (moer arroz carolino 2m/vel.9)
40 g de açúcar mascavado
1/2 colher [chá] de fermento
 Pitada de sal fino
2 ovos
1 colher de sopa bem cheia de óleo
 180 gr de leite
 1 colher de chá de extracto de baunilha

 Na Bimby 
Coloque todos os ingredientes no copo e programe 3 min./vel 4. Deixe a massa repousar 20 a 30 min. Ligue a máquina e vá fazendo os waffles.
Faça um recheio a gosto como: Fruta, canela, chocolate ou mel, queijo creme, catupiry, o que a sua imaginação lhe sugerir!

Voltado à activa: bombons


Depois duma interrupção provocada por um problema de saúde, volto à activa com bombons. Chocolate branco com recheio de menta, os preferidos de quem tem cuidado de mim com carinho e eficiência










Chocolate de leite com recheio de praliné (crocante de frutos secos) e ganache de chocolate belga









Os primeiros foram para quem me ajuda a sair desta situação algo difícil

domingo, 8 de janeiro de 2017

Macarons com quatro recheios


Quatro recheios: café com praliné (crocante de frutos secos), mirtilos, vagem de baunilha e lima





Pronto para oferta

MACARONS 


125g de farinha de amêndoa
125g de açúcar em pó
125g de açúcar normal
90g de claras envelhecidas à temperatura ambiente (separe-as das gemas 1 ou 2 dias antes e guarde no frigorífico, ou use congeladas – desta forma perdem excesso de humidade)
Baunilha a gosto

Prepare o “tant pour tant”: Junte a amêndoa em pó com o açúcar em pó – e peneire para uma taça – use uma peneira não muito fina. Alguns pedaços maiores que fiquem na peneira devem ser descartados. Repita duas vezes, para que a mistura fique homogénea. Reserve.

Prepare o merengue: Numa panela coloque o açúcar e as claras, sempre a mexer até dissolver o açúcar. Se tiver termómetro, até atingir os 65º. Leve à batedeira até obter picos firmes. Adicionar o corante em gel e a baunilha. Junte a mistura de amêndoa e açúcar em pó, de uma só vez, ao merengue. Envolva delicadamente em movimentos circulares, de cima para baixo, sem pressas e rodando a taça. Faça também alguns movimentos rectos do centro para as laterais, para agarrar toda a mistura seca que esteja na base e continue a envolver em movimentos circulares.
A massa está no ponto quando escorrer da espátula tipo lava, ou seja, nem fica toda presa, nem escorre rapidamente.

Coloque o bico liso no saco de pasteleiro e encha o saco. Aperte bem para compactar a massa e retirar o ar. Num tabuleiro sem laterais (ou de laterais baixas, como o do forno) coloque uma folha de teflon antiaderente. Segure o saco de pasteleiro na vertical e faça montinhos de massa de cerca de 3,5cm, com um espaço de cerca de 2cm entre eles. No final bata com o tabuleiro sobre a bancada para soltar as bolhas de ar que a massa possa ter.
Deixe a massa repousar num local seco – se necessário coloque noutra divisão, como o quarto, já que a cozinha é uma divisão mais húmida. O tempo de repouso varia. Pode ser meia hora, pode ser uma hora.
Os macarons estão prontos quando, ao tocar com o dedo na massa, ela não cola – fica com uma capa macia e elástica. Leve-os a forno pré-aquecido (melhor se for ventilado!) na posição do meio, a 120º/130º durante 15 minutos – como cada forno tem a sua personalidade, terá de encontrar o ponto certo do seu, tanto na temperatura como no tempo. Quando isso acontecer, não deverá ter mais problemas.
Retire do forno, deixe-os arrefecer um pouco e coloque a folha de teflon sobre um pano frio molhado. Desta forma os macarons vão descolar-se com facilidade. Ajude com uma espátula, sem pressas. Depois de frios, recheie os macarons com o recheio da sua preferência. Deve ser um recheio denso para não escorrer. Coloque-os num recipiente com tampa no frigorífico, de preferência de um dia para o outro. Retire-os antecipadamente antes de servir para que possam regressar à temperatura ambiente e guarde sempre o que sobrar no frio.
 A textura correcta do macaron é: crocante por fora e húmido por dentro.